in

Morre o pai de Mara Maravilha e ela revela que não eram próximos: ‘Isso não me traz nem rancor e nem mágoa’

Nesta última terça-feira (17), Mara Maravilha anunciou a morte de seu pai aos 86 anos. Ela contou que não era muito próxima do senhor Eliezer Aguiar Silveira, mas fez questão de desejar condolências aos familiares.

A equipe da artista divulgou um comunicado no Instagram informando sobre o falecimento. No post, a assessoria da apresentadora postou alguns trechos de uma entrevista que Mara deu para o jornal Correio.

Ela não informou a causa da morte do pai, mas confessou: “Como meu genitor eu o amo, agora, quem me criou foi seu Raimundo Souza. Mas isso não me traz nem rancor e nem mágoa. É a vida, acontece“.

Mara Maravilha fez uma reflexão e disse que todos estão neste mundo de passagem e que apesar da ‘desarmonia’ entre ela e o pai, sempre o amou do seu jeito. Fãs e amigos deixaram comentários desejando muita força a apresentadora.

Eliezer Aguiar Silveira foi o pai biológico de Mara, ele morreu em Itororó, na Bahia, mas tinha pouquíssimo contato com a filha, que foi criada pela mãe e o padrasto, Raimundo Souza.

A apresentadora admitiu que algumas vezes tentou se reaproximar do pai, mas não deu certo e eles continuaram distantes e sem terem contato. O velório será realizado nesta quarta-feira (18), mas Mara Maravilha não participará da cerimônia.